• 3 dicas imperdíveis para comprar mais no Paraguai mesmo com a alta do dólar

    Ponte da amizade - Ciudad del Este

    Faz tempo que não vemos o dólar tão alto quanto os dias atuais. Infelizmente, nossa moeda não é uma das mais fortes atualmente e isso impacta diretamente em nosso poder de consumo. Mas, com tanta globalização, no qual podemos comparar preços dos mais variados produtos no mundo inteiro e, ainda por cima, realizar pedidos internacionais, será que não tem uma maneira de adquirir tudo o que você quer, sem precisar se preocupar com a desvalorização do real? A resposta é sim. Comprar no Paraguai, por exemplo, sempre foi uma alternativa muito vantajosa para nós e, hoje, ainda tem muitos outros benefícios do que tempos atrás.

    Continue lendo

  • Operação Ágata é mais uma ameaça ao movimento de compristas no Paraguai

    Na última semana, a fronteira ganhou mais um reforço militar para vigiar a entrada de produtos proibidos em território brasileiro. Além da Operação Fronteira Blindada que mantém um posto de fiscalização na praça de pedágio em São Miguel do Iguaçu desde Maio de 2015, a Operação Ágata teve as suas atividades iniciadas no dia 22 de Julho e não tem previsão para terminar. A Operação Ágata tem o objetivo de combater os crimes transfronteiriços, como contrabando, e tráfico em geral (drogas, armas, munição e também crimes ambientais, como tráfico de animais). A realização é formada pelas três forças armadas – exército, marinha e aeronáutica – e tem o apoio da Polícia Federal, o Batalhão de Fronteira, entidades estaduais e instituições como a Anvisa, Anac, Ibama, entre outras.

    Continue lendo

  • “Dólar congelado” até o dia 2 de agosto

    A vida não está fácil para os comerciantes do Paraguai. Vários motivos fizeram com que o movimento nas lojas caísse pela metade desde o início do ano só em Ciudad del Este. O dólar nas alturas, a concorrência com os produtos comprados direto da China, as ameaças de redução da cota, forte fiscalização na fronteira… O jeito é pensar em estratégias para atrair novamente os turistas ao comércio das cidades fronteiriças.

    Foi o que fez Pedro Juan Caballero. Desde a última quinta-feira (16) a promoção “dólar congelado” baixou o valor da moeda americana na cidade que faz divisa com Ponta Porã, no Mato Grosso. Aproximadamente 25 estabelecimentos aderiram ao evento que terá duração de 18 dias.

    Continue lendo

  • Final feliz para a fronteira – valor da cota é mantido

    A última semana foi de discussões entre autoridades brasileiras e de expectativa para os comerciantes paraguaios. Houve até ameaça de protestos por comerciantes de Ciudad del Este, Pedro Juan Caballero e Salto del Guairá, caso a decisão desejada não fosse tomada logo, visto que o prazo estava terminando e até então a medida estava só na conversa. Mas a notícia é boa. Por pelo menos mais um ano, o valor da cota de compras no país vizinho permanece de US$ 300. Ufa!

    Continue lendo